Projeto Chapecó 2030 é apresentado na Unoesc Unidade de Chapecó

A Unoesc Unidade de Chapecó recebeu, na manhã de quinta-feira (9), empresários, administradores e contadores, além de lideranças da Universidade para participar do café palestra promovido pelos cursos de Administração e Ciências Contábeis.  O tema abordado pelo palestrante, Antoninho Luiz Baldissera, foi “Perspectivas de negócios para Chapecó 2030.

Baldissera apresentou aos participantes o Projeto Chapecó 2030, uma iniciativa da Sociedade Amigos de Chapecó (SAC), que tem como objetivo a produção e a integração de estratégias e propostas de ação para a promoção do desenvolvimento sustentável de Chapecó e sua região de abrangência para os próximos 20 anos. Sobre a metodologia, o palestrante explicou como foi desenvolvida a pesquisa, por meio de questionários respondidos por especialistas de diversas áreas, que levantou, entre outros aspectos, as potencialidades e fragilidades da capital do oeste catarinense.

– Nesse momento, com os indicadores elencados e alguns temas discutidos, nosso principal objetivo é sensibilizar os empresários para que se envolvam no projeto e se preocupem com o que é necessário para ter uma Chapecó melhor daqui a 20 anos. Quanto mais pessoas, empresas e entidades envolvidas nós tivermos, mais credibilidade e força o projeto terá para apontar os caminhos – afirma Baldissera.

Um dos gargalos da infraestrutura do município de Chapecó, identificados no projeto, é a questão  de logística.

– Se ninguém pensar e fizer algo para melhorar o acesso de matéria-prima às indústrias chapecoenses, com o melhoramento das estradas, o desenvolvimento econômico de Chapecó, poderá ficar comprometido – avalia o professor.

Sobre os próximos passos do projeto, Baldissera disse que em 2013 serão definidas as prioridades, se dará o início da implantação do projeto e, além disso, haverá monitoramento, avaliação e atualização constantes.

A coordenadora do curso de Administração, professora Carla Cazella observa que o café palestra é uma oportunidade de aproximar a instituição da classe empresarial.

– Estes empresários estão entre os que receberão nossos acadêmicos no mercado de trabalho. Por isso, esses momentos são importantes para trocar experiências, ouvir deles quais são as necessidades das empresas e identificar de que forma a instituição pode colaborar através da formação do aluno – destaca a professora.

De acordo com a coordenadora do curso de Ciências Contábeis, Graziele Trentin, discutir o futuro de Chapecó para os próximos anos é responsabilidade da Universidade, dos empresários e da sociedade.

– É necessário que todos se envolvam nessa discussão, pois além das responsabilidades técnicas dos profissionais, temos que ser responsáveis socialmente – enfatiza Graziele.

O próximo café palestra tratará sobre o tema “Oportunidades de negócios entre Brasil e Moçambique”, no dia 13 de setembro.

Fonte :http://www.unoesc.edu.br

Anúncios

Sobre Wagner Bueno

Administrador, Consultor e Professor
Esse post foi publicado em Administração, Empreendedorismo, Estratégia, Mundo, Unoesc. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s